Senado aprova Patriota como representante do Brasil na ONU

qk6e7rse
O Senado aprovou hoje (1º) a indicação da presidenta Dilma Rousseff para que o ex-ministro de Relações Exteriores Antonio Patriota assuma o cargo de representante permanente do Brasil na Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York. A indicação teve 43 votos favoráveis, 14 contra e uma abstenção.

Patriota deixou o comando do Itamaraty depois que o diplomata Eduardo Saboya, que atuava na embaixada brasileira na Bolívia, colaborou para a fuga do senador boliviano oposicionista Roger Pinto Molina do país. A operação de retirada de Molina, que não obteve salvo-conduto das autoridades da Bolívia, foi feita sem conhecimento do governo brasileiro e acabou desencadeando uma crise diplomática, que culminou com Patriota entregando o cargo de chanceler.
Na ocasião, a presidenta decidiu indicá-lo para o posto na ONU, submetendo a escolha à aprovação do Senado Federal. Patriota foi sabatinado e aprovado pelos membros da Comissão de Relações Exteriores da Casa na semana passada. No Itamaraty, ele foi substituído pelo embaixador Luiz Alberto Figueiredo, que chefiava a representação brasileira nas Nações Unidas desde junho deste ano.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


PUBLICAÇÕES

Blogs parceiros

Receba atualizações

Copyright 2020 © All rights Reserved. Design by OFFICE FIX
Abrir conversa
1
Olá,
Se você tiver uma notícia, mande aqui pelo WhatsApp, que a gente publica !

É só clicar no botão abaixo !