Marisa Letícia tinha R$ 26 mil e não R$ 256 milhões em investimentos

Foto: Roberto Stuckert Filho

Os advogados do inventário de Marisa Letícia Lula da Silva responderam nesta quarta-feira ao pedido de esclarecimento sobre o valor de investimentos em certificados de depósito bancários (CDBs) feitos pelo juiz da 1ª Comarca de Família e Sucessões de São Bernardo do Campo (SP).
Juiz confundiu valores e informação errada foi repassada. Na confusão, especulou-se que ela teria aplicações de R$ 256 milhões no banco, mas o valor dos CDBs era de R$ 26 mil.
“Não existe qualquer tipo de relação entre os documentos constantes às fls. 394/427 e 428/468 (escrituras de emissão de debêntures) com os CDBs (Certificados de Depósitos Bancários) de titularidade da Sra. Marisa Letícia Lula da Silva, tampouco existe relação entre tais CDBs e o valor nominal de R$ 100”, escreveram os advogados da ex-primeira-dama.
Guilherme Amado – Época

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *