José Dias chama atenção para as responsabilidades de cada deputado

Ao analisar as medidas que serão tomadas pela Casa Legislativa a partir das mensagens governamentais enviadas pelo Governo do RN, o deputado estadual José Dias (PSDB) ressaltou que as medidas já deveriam ter sido tomadas, mas que não se deve ficar no passado e que se deve assumir a responsabilidade para não se responder pelo que não foi feito no futuro.

“Tenho 32 anos de Assembleia Legislativa. Neste período fui mais deputado de oposição do que de Governo. Minha convicção democrática é a independência, a harmonia e o compartilhar dos deveres do poderes”, salientou José Dias.

José Dias disse ainda que comentam que os problemas do Executivo foram jogados no colo do Legislativo. “Mas este é um privilégio da democracia onde um poder não se sobressai a outro. E acredito que isto amplia e demonstra a importância do Poder Legislativo”, opinou.

Para o deputado não deve ocorrer votação sem análise das comissões, não se deve apenas carimbar as ações do Governo para não transformar a Casa Legislativa em cartório, fazendo com que cada deputado use sua consciência e esqueça a demagogia.

“Aqui não se faz votação a toque de caixa. Mas não se deve fazer dos prazos regimentais palco para futuras campanhas políticas. O Rio Grande do Norte é destaque na mídia nacional, sendo exemplo para estudos do Tesouro Nacional como um dos estados que enfrentam a mais séria crise econômica e financeira”, salientou José Dias, acrescentando que espera um comportamento igualitário dos deputados quanto as matérias; “Sem importar se são simpáticos ou não o tema das matérias”, disse.

Deixe uma resposta