Delegados soltaram nota reagiram à troca no comando da PF

A Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF) e a Federação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (Fenadepol) reagiram à possibilidade de demissão de Maurício Valeixo da chefia da PF por Jair Bolsonaro, registra Fausto Macedo.

Segundo as entidades, “especulações, infelizmente, prejudicam a estabilidade da Polícia Federal, a sua governança e colocam em risco a própria credibilidade na lisura dos trabalhos da instituição”.

“O problema não reside nos nomes de quem está na direção ou de quem vai ocupá-la, mas sim na absoluta falta de previsibilidade na gestão e institucionalidade das trocas no comando”, diz a nota conjunta das associações de delegados.

A ADPF e a Fenadepol pediram ainda que o Congresso aprove projetos que estabelecem autonomia para a PF e um mandato para seu diretor-geral.

BG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *