Ivete Sangalo teve alta do hospital e foi para casa

Após três dias internada por causa de um quadro de meningite viral
“benigna não contagiosa”, Ivete Sangalo recebeu alta ontem (7) no início
da noite. A cantora se comprometeu com os médicos a passar 20 dias de
repouso em sua casa em Salvador, segundo sua assessoria de imprensa.

Antes de deixar o hospital, a cantora apareceu na janela do quarto para
agradecer ao grupo de fãs que faz vigília no estacionamento da unidade.

“Estou ótima”, disse, tranqulizadora, embora exibisse um aspecto
cansado. Falou que quando pegou a meningite viral ficou preocupada por
ter sido acometida por uma “dor de cabeça fulminante”. O problema passou
após ser medicada.

Ela se disse muito sensibilizada com as mensagens de solidariedade e
apoio, explicou que estava proibida de interagir com os fãs através da
internet, mas aproveitou para agradecer “imensamente as correntes de
oração” pela sua recuperação.

Ivonete Dantas assume cadeira de Garibaldi Alves

 

A empresária Ivonete Dantas (PMDB), ex-cunhada de Vivaldo Costa (PR),
assume hoje (8) a cadeira do senador Garibaldi Alves (PMDB), licenciado
por conta de uma cirurgia no coração.

O pai do ministro Garibaldi
Alves Filho foi operado na última terça-feira e se licenciou por 120
dias de suas atividades no Senado da República.

Ivonete Dantas,
que também ocupou cadeira na Assembleia Legislativa, era a segunda
suplente do mandato da ex-senadora Rosalba Ciarlini (DEM), agora
governadora do Estado.

A suplente de senadora Ivonete Dantas é dona de uma pousada em Caicó.
Ela foi casada com o ex-prefeito e ex-deputado Vidalvo Costa, irmão do
Papa.


Fonte: nominuto.com

Senado aprova projeto do novo Código Florestal

Com 26 emendas acatadas pelo relator e 60 rejeitadas, a votação do novo
Código Florestal foi concluída no fim da noite pelo Senado.

O
relator, senador Jorge Viana (PT-AC), acolheu 20 emendas de mérito e
seis de redação que mudam pouco os contornos gerais do texto que ele
defendeu nesta terça-feira (6) em plenário.

Entre as emendas
acolhidas por Viana, apenas três trazem acréscimos relevantes ao texto. A
primeira delas trata de bacias hidrográficas e determina que quando
elas estiverem em situação crítica de desmatamento, o governo poderá
aumentar o percentual de recuperação das áreas de preservação
permanente.

A segunda emenda considerada relevante pelo relator e
pelo governo trata de critérios para produção em apicuns – que são
vegetações que convivem com os mangues.

As atividades produtivas
que até então estavam proibidas no texto, passarão a ser permitidas em
até 10% da área do apicum na Amazônia e em até 35% em outros biomas.

A
terceira emenda permite aos estados que tiverem mais de 65% de suas
áreas em unidades de conservação, como terras indígenas ou florestas,
reduzir de 80% para 50% a reserva legal que precisa ser mantida pelas
propriedades rurais.

A necessidade dessa redução, no entanto,
precisa ser apontada pelo Zoneamento Ecológico Econômico (ZEE) e
aprovada pelos conselhos estaduais de meio ambiente.

Para a
ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, o novo código aprovado
pelo Senado representa um avanço. Ela compareceu ao Senado no fim da
votação e admitiu que o governo precisará encontrar uma nova forma de
trabalhar para coibir o desmatamento e promover o reflorestamento.

“Mais
do que fiscalização, ele [o código] promove um maior controle social.
Ele prevê, por exemplo, a suspensão do crédito para os produtores que
estiverem irregulares com as questões ambientais”, explicou.

O
texto segue agora para a Câmara, onde os deputados irão votar se acatam
integral ou parcialmente o substitutivo do relator Jorge Viana. Eles
podem ainda rejeitar completamente o texto do Senado e retomar o projeto
original aprovado na Casa.
Fonte: nominuto.com

06 de dezembro: Dia do Extensionista Rural


Dia 6 de dezembro comemora-se, em todo o país, o dia do extensionista rural. Criado através da Lei 12.386, no dia 3 de março de 2011, pelo Congresso Nacional, o Dia Nacional do Extensionista Rural tem por objetivo reconhecer o valor desse profissional que atua diariamente ao lado do agricultor, ajudando-o na construção de um Brasil social e economicamente produtivo e sustentável.
Fonte: Grande Ponto

Vasco domina seleção do Brasileirão e Neymar é eleito craque do campeonato


Os jogadores de clubes cariocas dominaram o Prêmio Craque Brasileirão, entregue pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) aos destaques da temporada no torneio nacional. Vasco, com três jogadores e mais o técnico (Cristóvão Borges e Ricardo Gomes dividiram essa conquista), Botafogo, com dois, e Flamengo e Fluminense, ambos com um, montaram mais da metade dos 11 atletas ideais da competição.

O Corinthians, campeão da temporada, só conseguiu emplacar o seu grande sucesso nos últimos anos: a dupla de volantes Ralf e Paulinho formaram o meio-campo ao lado de Diego Souza, do Vasco, e Ronaldinho Gaúcho, do Flamengo.

A zaga teve mais quatro de seus membros vindos do estado fluminense. O goleiro foi Jefferson, do Botafogo, que teve seu companheiro Cortês na lateral esquerda. Os vascaínos Dedé e Fágner marcaram presença. Réver, do Atlético-MG, foi o único intruso na lista.

No ataque, o santista Neymar, também eleito o grande craque do torneio, formou a dupla com Fred, que ganhou do artilheiro Borges na disputa para melhor segundo homem de frente. Welington Nem, do Figueirense, ganhou o prêmio de revelação do Brasileirão.

Entre os técnicos, o prêmio acabou indo para Cristóvão Borges e Ricardo Gomes, que comandaram o Vasco durante o Campeonato Brasileiro. O primeiro continuou à frente do Gigante da Colina quando Gomes sofreu um acidente vascular cerebral (AVC), no clássico do primeiro turno ante o Flamengo.

Tite, do campeão Corinthians, ficou em terceiro, atrás também de Jorginho, sétimo colocado com o Figueirense. Já o gaúcho Leandro Vuaden foi o escolhido como melhor árbitro. Por fim, ainda houve uma homenagem pelos mil jogos de Rogério Ceni no São Paulo.

Confira abaixo os melhores do Brasileiro:

Goleiro:

1º – Jefferson (Botafogo)
2º – Fernando Prass (Vasco)
3º – Julio Cesar (Corinthians)

Lateral direito:

1º – Fágner (Vasco)
2º – Mariano (Fluminense)
3º – Bruno (Figueirense)

Zagueiro pela direita:

1º – Dedé (Vasco)
2º – Antônio Carlos (Botafogo)
3º – Rhodolfo (São Paulo)

Zagueiro pela esquerda:

1º – Réver (Atlético-MG)
2º – Leandro Castán (Corinthians)
3º – Emerson (Coritiba)

Lateral esquerdo:

1º – Cortês (Botafogo)
2º – Juninho (Figueirense)
3º – Kleber (Internacional)

Volante pela direita:

1º – Ralf (Corinthians)
2º – Rômulo (Vasco)
3º – Arouca (Santos)

Volante pela esquerda:

1º – Paulinho (Corinthians)
2º – Renato (Botafogo)
3º – Marcos Assunção (Palmeiras)

Meia direita:

1º – Diego Souza (Vasco)
2º – Deco (Fluminense)
3º – Lucas (São Paulo)

Meia esquerda:

1º – Ronaldinho Gaúcho (Flamengo)
2º – Montillo (Cruzeiro)
3º – Thiago Neves (Flamengo)

Primeiro atacante:

1º – Neymar (Santos)
2º – Leandro Damião (Internacional)
3º – Julio Cesar (Figueirense0

Segundo atacante:

1º – Fred (Fluminense)
2º – Borges (Santos)
3º – Loco Abreu (Botafogo)

Técnico:

1º – Cristóvão Borges/Ricardo Gomes (Vasco)
2º – Jorginho (Figueirense)
3º – Tite (Corinthians)

Revelação:

1º – Welington Nem (Figueirense)
2º – Bruno Cortês (Botafogo)
3º – Leandro Damião (Internacional)

Melhor Jogador:

Neymar (Santos)

Melhor Árbitro:

1º – Leandro Vuaden (RS)
2º – Paulo César Oliveira (SP)
3º – Sandro Meira Ricci (DF)
Fonte: Diário de Natal

Epidemia de dengue ronda municípios potiguares

Mais de 60% dos municípios do Rio Grande do Norte estão em situação de risco para ocorrência de epidemia de dengue. A informação é da subcoordenadora de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), Juliana Araújo. O dado veio à tona ontem depois que o Ministério da Saúde divulgou a situação da doença em 561 cidades brasileiras que enviaram os dados ao Levantamento de Índice Rápido de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa).
O levantamento é feito pelas secretarias municipais de saúde e encaminhado diretamente ao ministério. Dez municípios do RN estão inclusos no LIRAa nacional. Mossoró e Currais Novos estão em situação de risco para ocorrência de epidemia de dengue, de acordo com o mapa apresentado pelo ministro da saúde, Alexandre Padilha. Os dois municípios do RN estão entre os 48 do Brasil que apresentaram índice de infestação superior a 3,9%. Ou seja, a cada 100 imóveis visitados pelos agentes de endemias foram encontradas larvas do mosquitoem mais de 3,9 imóveis.

Embora o levantamento nacional apresente dados de apenas 10 cidades potiguares, a subcoordenadora de Vigilância Epidemiológica, Juliana Araújo, garante que o RN conta com 33 municípios prioritários e mais de 60% em situação de alerta ou risco de epidemia de dengue. “Para determinar se o município é prioritário levamos em consideração fatores como densidade populacional e número de casos novos. O índice de infestação predial não é o único meio”, esclarece.

Os 33 municípios prioritários do RN vão receber um incentivo de R$ 1,7 milhão para ampliar as ações contra a dengue. Para receber os recursos, os gestores devem apresentar um plano de contingência ao Ministério da Saúde até 15 de dezembro com as principais medidas a serem desenvolvidas em caso de surto da doença. Segundo Juliana, a maioria já entregou o plano.

Dos 10 municípios do Rio Grande do Norte inclusos no LIRAa nacional somente Natal (0,8%), Pau dos Ferros (0,5%) e São Gonçalo do Amarante (0,8%) apresentam índice abaixo de 1%,conforme preconiza o Ministério da Saúde. Alguns municípios do RN como Caicó (2,2%), Ceará-Mirim (3%) e São Miguel (2,9%) estão em situação de alerta por apresentarem índice entre 1% e 3,9%. Parnamirim e Apodi que em 2010 tiveram respectivos índices de 1,3% e 1,1% não informaram o LIRAa atualizado.

Juliana Araújo comentou que a Sesap desenvolve ações contínuas com o objetivo de prevenir um surto da doença, inclusive com reuniões multisetoriais. A subcoordenadora alertou, porém, que o trabalho de campo realizado pelos agentes de endemias é de extrema relevância. Juliana disse ainda que a Sesap vai elaborar um plano em que conste a rede hospitalar para onde os pacientes serão levados em caso de epidemia. “É importante que os municípios e hospitais regionais façam o primeiro atendimento com hidratação oral. O estado deve ficar somente com os casos de alta e média complexidade”, enfatizou.

Fonte: Diario de Natal

Decisão do PSB será em março do próximo ano


A ex-governadora Wilma de Faria, presidente estadual do PSB, disse ontem que a legenda que comanda somente tomará decisão sobre candidaturas próprias, inclusive em Natal, em meados de março do próximo ano. Ela admite que o quadro do grupo hoje na oposição à governadora Rosalba Ciarlini está indefinido. E acrescentou que as conversas com aliados, entre eles o ex-prefeito Carlos Eduardo Alves (pré-candidato do PDT) e o deputado estadual Fernando Mineiro (pré-candidato do PT) já foram iniciadas, porém sem qualquer definição. “Eles reafirmam que são candidatos”, ponderou Wilma de Faria.
O grupo que se opõe ao Governo Rosalba Ciarlini vive o dilema de encontrar uma solução única para encabeçar o grupo ou de apresentar várias candidaturas para a disputa eleitoral do primeiro turno em Natal.

A ex-governadora defendeu também que os partidos que fazem a base da presidenta da República Dilma Rousseff dialoguem com vistas à eleição municipal. Ela destacou que um impasse no âmbito do PSB é a necessidade de, enquanto presidente estadual da sigla, percorrer os municípios do Rio Grande do Norte, o que pode vir a pesar na hora de escolher o candidato em Natal.

“Eu tenho que olhar para todo o Estado e isso é um drama que estamos vivendo porque por um lado temos uma candidatura que está crescendo do apelo popular e, de outro, eu preciso ao mesmo tempo ajudar os companheiros no interior”, destacou a ex-governadora. Wilma de Faria disse que o PSB tem aproximadamente 70 filiados com viabilidade eleitoral em todo o Estado. Ela assinalou ainda que voltou a conversar com o vice-governador Robinson Faria, do PSD. “Já conversei com Robinson e com Fábio e queremos convergir”, disse ela.

Wilma de Faria foi reconduzida a uma das vagas da Executiva nacional do PSB este final de semana, durante nacional Congresso do partido, realizado em Brasília. Na ocasião, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, foi reeleito presidente nacional da sigla.
Fonte: tribuna do Norte

Eduardo Campos quer Wilma de Faria na chefia da Sudene


A notícia está na edição de hoje de O Estado de S.Paulo, assinada pelo repórter João Domingos.

Ele conta que o governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, é hoje o grande comandante das estatais do governo no Nordeste brasileiro.

Campos já controla quase todas elas, amanhã vai emplacar mais um aliado seu na presidência da Companhia Hidroeletrica do São Francisco (Chesf) e agora reivindica para a ex-governadora potiguar Wilma de Faria a chefia da Sudene.

Leiam:

Após segurar por 11 meses a nomeação do presidente da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) para não fortalecer o governador de Pernambuco e presidente do PSB, Eduardo Campos, a presidente Dilma Rousseff recuou para não desagradar ao aliado. João Bosco de Almeida, homem de confiança de Campos e seu secretário de Recursos Hídricos até sexta-feira, tomará posse no cargo amanhã.

A fidelidade do PSB na primeira fase de votação da prorrogação da Desvinculação das Receitas da União (DRU) quebrou a resistência de Dilma. João Bosco substituirá Dilton da Conti – também do PSB, mas adversário de Campos. Agora, resta preencher as diretorias da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) e da Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco e Parnaíba (Codevasf).

A desculpa dada pelo governo para a demora é de que os entendimentos para a renovação das diretorias eram feitos pelo ex-ministro Antonio Palocci, que deixou o governo em junho. O motivo mais forte, porém, é a movimentação de Campos, atestam auxiliares de Dilma e dirigentes do PT e do PSB que acompanham o preenchimento de cargos do segundo escalão. Todos os cálculos feitos até agora sobre os postos nas três estatais levam a um fortalecimento político do pernambucano, o que incomoda tanto o PT quanto Dilma.

Hoje, quem exerce o poder de fato na Sudene é o Conselho Deliberativo, formado por governadores dos nove Estados do Nordeste, de Minas e do Espírito Santo, pelo ministro da Fazenda, pelo presidente do Banco do Nordeste, pelo superintendente da estatal e por representantes de municípios, empresários e trabalhadores, sob o comando do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, aliado de Campos. Cinco desses governadores são do PSB, partido que apoiou a indicação do presidente do Banco do Nordeste, Jurandir Santiago.

Como o PSB reivindica para a ex-governadora Wilma de Faria (RN) a chefia da Sudene, se for nomeada, Campos passaria a ter controle absoluto sobre a empresa. Hoje, a Sudene é dirigida por Paulo Sérgio de Noronha Fontana, indicação do governador Jaques Wagner (PT) e do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB), ambos da Bahia.

A influência de Campos repete-se na Codevasf. Com a transposição do Rio São Francisco, a estatal será uma das mais influentes do Nordeste. Acéfala desde janeiro, quando Luiz Carlos Everton de Farias deixou o cargo para ocupar uma diretoria no Banco do Nordeste, a Codevasf é tocada por Clementino Coelho, irmão do ministro da Integração Nacional.

O governador do Piauí, Wilson Martins (PSB), alega que a Codevasf sempre foi dirigida por um piauiense e defende para o posto seu irmão, Rubens Martins, hoje seu secretário de Desenvolvimento Agrário. Seria mais um nome aliado de Eduardo Campos.
Fonte: nominuto.com

Último lote de restituições do IR chega aos bancos no dia 15


O último lote de declarações do Imposto de Renda Pessoa Física 2011 terá os valores corrigidos em 7,67%. Serão creditadas restituições para 86.979 contribuintes, no valor total de R$ 211.390.978,56.

O dinheiro estará nos bancos no próximo dia 15. A consulta ao lote poderá ser feita no endereço da Receita Federal na internet (www.receita.fazenda.gov.br) ou pelo Receitafone (146).

Os dados sobre o último lote foram divulgados nesta segunda-feira(5) pelo supervisor nacional do Imposto de Renda, Joaquim Adir. Segundo ele, a Receita vai liberar ainda declarações que estavam retidas a malha fina, declarações referentes aos lotes de 2010 (ano calendário de 2009), de 2009 (ano calendário de 2008) e de 2008 (ano calendário de 2007) para 110.525 contribuintes.

Do lote residual do exercício de 2010, serão creditadas restituições para 12.872 contribuintes, totalizando R$ 24.319.719,37, corrigidos em 17,82 %. No lote residual do exercício de 2009, serão pagas restituições a 6.317 contribuintes, no valor de R$ 12.041.501,25, corrigidas em 26,28 %. Do lote de 2008, serão creditadas restituições para um total de 4.357 contribuintes, somando R$ 7.339.077,70, com correção de 38,35 %.

Ao final deste ano, o número de declarações retidas em malha chegou a 569.671 ante os 700 mil de 2010. Segundo a Receita, a omissão de rendimentos foi o que levou o maior número de declarações à malha, 320.293 (56%). Entre as omissões de rendimentos, 19.380 foram de recebimentos de aluguéis.

Divergências sobre despesas médicas, encontradas em 80.556 declarações (14,14%), também foram destaque este ano. A ausência de Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte (Dirf), que a Receita usa para cruzar os dados fornecidos pelos patrões e as informações dadas pelos empregados, provocaram inconsistências em 69.483 declarações (12,19%). Houve divergência entre os dados da Dirf em 24.030 declarações (4,22% ).

Para resolver as pendências e sair da malha fina sem se deslocar até uma unidade da Receita, o contribuinte deve acessar o Centro Virtual de Atendimentos e-CAC e fazer a autorregularização. Para isso, é preciso fazer um cadastro no site da Receita Federal, fornecendo o número do recibo das duas últimas declarações do Imposto de Renda. No e-CAC, o contribuinte tem acesso a informações referentes aos tipos de pendência e ao extrato da declaração.

Os casos que não puderem ser resolvidos pelo e-CAC podem agendar atendimento presencial a partir de janeiro de 2012.
Fonte: nominuto.com

João Faustino emite carta e se diz inocente das acusações


O suplente de senador João Faustino Ferreira Neto, um dos denunciados pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte de fazer parte do suposto esquema fraudulento do Departamento Estadual de Trânsito (Detran/RN) emitiu carta na tarde desta segunda-feira, 5, sobre a Operação Sinal Fechado. Na carta, João Faustino se diz inocente das acusações e desafia a “quem quer que seja apontar qualquer ilícito” durante toda sua trajetória política.
O suplente de senador ainda reiterou que não tem nenhuma ligação com as empresas envolvidas na suposta fraude e afirmou que não conseguirão “manchar” a sua honra. João Faustino considerou a sua prisão como injusta, ilegal e arbitrária.

Confira a carta do suplente de senador João Faustino na íntegra:

“Em nome da verdade

João Faustino Ferreira Neto

Dirijo-me aos norte riograndenses respaldado por uma decisão do egrégio Superior Tribunal de Justiça, declarando ilegal o ato que restringiu a minha liberdade, em que pese todo meu respeito ao Poder Judiciário local.

Estou próximo a completar 70 anos de idade. Durante esse período de vida longa enfrentei muitas adversidades, me deparei com muitas injustiças. Portanto, tenho a exata dimensão de quem exerce o papel de juiz ou algoz; ou ainda, de quem usa o poder para perseguir e destruir as pessoas.

Durante 52 anos de vida pública exerci várias funções, todas do conhecimento dos norte riograndenses: fui ordenador de despesa de grandes e importantes orçamentos públicos. Desafio, a quem quer que seja, apontar qualquer ilícito que por acaso tenha cometido durante essa longa e respeitada trajetória.

Ninguém tem o direito de manchar uma vida limpa. Nunca me locupletei de qualquer bem público; nunca desviei nada, absolutamente nada, vinculado ao patrimônio coletivo. Peço, com toda ênfase que minha alma possa expor, o que subtrai do patrimônio do povo. Faço esse apelo fortalecido pela justiça e pela consciência limpa e irretocável que me acompanham durante toda a vida.

Tenho a convicção que a instrução processual demonstrará minha absoluta inocência e nela haverão de encontrar a trajetória de um homem que vive para servir, para ser solidário; de um homem que não mente, não tergiversa diante da verdade; de um homem que tem a coragem como valor essencial para defender, a qualquer custo, a honra e a justiça.

Nada me vincula a nenhuma empresa, muito menos àquelas, muito menos àquelas apontadas nesse episódio. Delas nunca recebi, a qualquer título, nem dinheiro nem promessas de recompensas. Não seria no final da minha vida pública, com todos os filhos criados, com total independência financeira minha e de minha esposa, fruto do trabalho incessante, competente e honesto, ao longo de mais de cinco décadas, que iria macular a nossa história.

Sinto-me pré-julgado, condenado, exposto à excreção pública, sem ter o direito ao contraditório, acusado sem conhecer as provas acusatórias. Todavia, conforta-me a decisão do egrégio Superior Tribunal de Justiça, considerando, de forma liminar, a prisão que me foi imposta injustamente, ilegal e arbitrária.

Afirmo aos meus conterrâneos ainda com a alma sangrando por dever de justiça e de consciência, com absoluta honestidade, que nunca cometi qualquer ilícito e nunca estive à margem da lei. Não conseguirão manchar a minha honra, isto porque a minha foi construída com muita fé em Deus, com muito trabalho e dignidade, com absoluto respeito à lei.

Aos poderes constituídos, dois dos quais integrei durante décadas, contribuindo de forma eficiente e irreparável, uma palavra: não deixem macular as nobres tarefas que lhes são atribuídas, com atitudes que comprometam o Estado Democrático de Direito, conquistado pelos brasileiros com muitas lutas, das quais orgulhosamente participei.

Por último, agradeço comovido às inúmeras manifestações de solidariedade, dizendo aos que me perseguem e tentam manchar a minha biografia, que jamais atingirão a minha alma, porque ela sempre esteve a serviço da construção do bem.”

Fonte:Tribuna do Norte